Verão é sinônimo de projeto?



Setembro já está aí e faltam menos de 150 dias para acabar o ano. Nesse momento bate aquele susto: já? Não sei como foi o seu ano, mas restam poucos dias para fazer dele um ótimo ano. Por falar nisso, como estão aquelas metas que você colocou lá no início de 2019? Conseguiu alcançar? Você deve estar se perguntando: por que uma nutricionista quer saber das minhas metas? Bom, porque eu sei que a maioria das pessoas inclui nas suas metas algo relacionado à melhora da saúde e à perda de peso. E também porque eu sei que como estamos chegando no final do ano, agora resta menos tempo pra você alcança-las. Além disso, com o inverno chegando ao fim, em breve muitas pessoas vão começar a se preocupar mais com a alimentação, o peso e o corpo.


E é nesse embalo que vão surgir os inúmeros projetos verão, com promessa de perda de peso rápida e um corpo “pronto” para a estação. Quem sabe, ao invés de se juntar a esses projetos, você possa fazer diferente este ano e começar a entender seu comportamento com relação à comida e ao peso desde agora?

Como seria essa experiência? Você já tentou alguma vez? Talvez essa seja a atitude necessária para ter resultados diferentes: tentar algo novo! E melhor ainda, poder chegar no verão sem preocupações e necessidade de se privar das coisas boas que essa estação oferece, como praia, piscina, sorvete, happy hour com cerveja gelada...tudo em sacrifício do corpo e do peso. Já imaginou como seria isso?


Além disso, quando você se propõe a fazer mudanças positivas e tem tempo para tal, é mais fácil adquirir novos hábitos e mantê-los, do que quando você tem pressa para atingir certo objetivo e leva seu corpo ao extremo.


Perceba que não há problema em você querer ajustar seu peso, mas eu sempre aconselho a refletir sobre os motivos reais pelos quais você quer isso. Se for só em função da chegada da nova estação, as chances de você conseguir manter seu peso quando ela acabar são menores, certo? É comum isso acontecer, pois acaba a motivação. Porém, é aí que vem o grande problema: o efeito sanfona.


Perder peso rapidamente e através de dietas restritivas é totalmente contraindicado, pois já se sabe que leva a alterações fisiológicas prejudiciais para um bom funcionamento do organismo e resulta no reganho de peso. Recentemente fiz uma série de 3 posts nas minhas redes sociais explicando que as dietas restritivas levam a um ciclo de privação, desejo, consumo do alimento seguido do sentimento de culpa e por fim exagero. De forma resumida isso já explica por que as dietas não funcionam. Além disso, elas levam à perda da conexão com nossos sinais internos de fome e saciedade.


Portanto, reflita se você quer passar por isso novamente ou se você quer quebrar este ciclo de uma vez por todas e manter sua saúde física e mental através de uma abordagem mais gentil e focada na real mudança de comportamento.

Abraços da Nutri.


Me siga nas redes sociais para acompanhar mais dicas e informações. Facebook e Instagram: Nutri Dani Müssnich

Contato: (51) 99911-0762 | nutridanimussnich@gmail.com

89 visualizações